Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Compartilhar no facebook
Facebook

Por amar o Corpo de Bombeiros, Irwing Ferreira compõe a música “Somos por Você” para homenagear os “homens do fogo”

Nicanor coelho – Editor-chefe

= = = = = = = = = = = = = = = =

O ex-cabo do Exercito Irwing Ferreira, por amar o Corpo de Bombeiros, compôs a menos de um mês a música “Somos por Você”, em ritmo de chamamé foi publicada hoje nas redes sociais em homenagem aos chamados “homens do foto” integrantes do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do sul.

Irwing nasceu em Campo Grande em 1983 atualmente é presidente do Conselho Municipal de Segurança da região dos bairros Parati e Piratininga e pertence à primeira turma de voluntários do Corpo de Bombeiros. O autor da canção é música, cantor, compositor e capelão.

“Minha ligação com a segurança é antiga tanto com a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar e há menos de trinta dias esta música nasceu no meu pequeno escritório”, disse o compositor explicando que a composição surgiu como forma de valorizar os bombeiros. Irwing desde os 19 anos de idade presta serviços voluntários no Hospital Universitário de Campo Grande com um bombeiro militar chamado capelão major professor Edilson dos Reis.

“Sou da primeira turma de voluntários no Corpo de Bombeiros e lá tenho contato com muitos militares antigos e que estão indo para reserva. Fiquei imaginando estes valorosos que tanto fizeram pela sociedade, agora com seu neto….”, explicou o compositor ao lembrar que o dia Nacional dos Bombeiros Militares é comemorado em dois de julho.

Somos por você

Meu neto sente a meu lado e me sirva um tereré,

Vou te contar uma história de heroísmo e de fé.

Me passa meu violão e escute esse chamamé,

A história de um grande herói que usa farda e boné.

 

Cruzando nossa cidade atendendo mais um chamado,

Levando a vida alheia, com presteza e cuidado.

Quando vejo suas luzes, e escuto o seu sonar,

Sinto grande alegria, segurança e bem estar.

 

Oh, ao brado sempre,

Aos homens…. que arriscam…. a vida pra nos guardar.

Oh, heróis anônimos,

Seja na agua, na altura ou no fogo irão salvar.

 

Meu neto você é pequeno e pode não entender,

mas esses grandes soldados, salvam vidas sem  conhecer.

Arriscam a própria vida, sem nada eles temer,

Lançando a própria sorte, pois este é o seu dever.

 

Dentro de uma viatura, o bombeiro tem prioridade,

Proteger a vida humana, é  sua autoridade.

Deixando sua família sentido saudades no peito,

Oh bombeiro militar, você tem o meu respeito.

 

Oh, ao brado sempre,

Aos homens…. que arriscam…. a vida pra nos guardar.

Oh, heróis anônimos,

Seja na agua, na altura ou no fogo irão salvar.

 

Hoje canto com saudades, minha história neto querido,

Pois esse seu velho avô, já correu esse perigo,

E essas mãos que hoje, seguram seu caminhar,

Já foram muito firmes para vidas à zelar.

 

E deixo à você, meu neto uma lição,

Amar sempre as pessoas , é uma devoção.

Nós somos por você, já diz o nosso cantar,

Primor à vidas alheias, riquezas salvar.

 

Oh, ao brado sempre,

Aos homens…. que arriscam…. a vida pra nos guardar.

Oh, heróis anônimos,

Seja na agua, na altura ou no fogo irão salvar.

Copyright 2009/2019 ©Midiaflex Todos os Direitos Reservados

Scroll Up