Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Após denúncias levar vereadores à prisão, Virginia Magrini busca um novo mandato

A advogada Virgínia Magrini, idealizadora do Hospital do Câncer de Dourados e vereadora entre os anos de 2013 e 2016, busca um novo mandato nestas eleições. Durante sua passagem ao Legislativo douradense, sempre pautou seu mandato na ética e contra a corrupção, tanto que suas denúncias foram as responsáveis por levar vereadores da atual gestão à cadeia. Virginia acredita que o eleitor está cansado e busca candidatos que combatam a velha política.

“Durante os quatro anos como vereadora, mantive as portas do meu gabinete sempre abertas para a população. Seguindo uma linha ética que sempre mantive em minha vida pessoal e profissional, fiz inúmeras denúncias e busquei melhorias para a comunidade. Na época, mesmo sendo uma vereadora da oposição, conseguimos diversas conquistas para todos os douradenses. Sempre utilizei as ferramentas da Câmara para cobrar o Executivo Municipal pela transparência dos gastos públicos. Acredito que o eleitor busque vereadores com essas qualidades, porque somos eleitos para trabalhar, não pra roubar, como ainda vemos atualmente”, recordou Virgínia.

Eleita na época com 1.720 votos pelo Partido Progressista – PP, Virgínia lembra que a entrada na política só foi possível após vários pedidos de pacientes, amigos e voluntários do Hospital do Câncer. “A saúde sempre foi algo que eu lutei, primeiro como paciente com câncer, lutando pela minha vida e depois, como presidente da Associação de Combate ao Câncer da Grande Dourados (ACCGD), onde tive a iniciativa de implantar um hospital de tratamento do câncer, com apoio de toda a comunidade. Foi uma longa jornada, do qual muito me orgulho”, enfatizou.

Hoje, ainda no PP e ao lado do candidato à prefeito Alan Guedes, Virgínia busca uma nova eleição para continuar defendo o povo e buscando melhorias. “Acredito na mudança e na boa política. Não precisamos roubar e enganar ninguém. Somos eleitos pelo povo e precisamos trabalhar pela nossa cidade. Não sou de fazer promessas, mas continuarei combatendo a corrupção em nossa cidade. Meu número é 11.111”, pontuou Virgínia.

Após denúncias levar vereadores à prisão, Virginia Magrini busca um novo mandato 1

Scroll Up