Publicidade
MidiaFlex
Publicidade
Diretor da UCP recebe título de Cidadão de Ponta Porã
....


 



Em cerimônia realizada na noite desta quinta-feira (13), o diretor administrativo da Universidad Central Del Paraguay (UCP), Karlos Bernardo recebeu o título de Cidadão Pontaporanense pelo seu serviço prestado à comunidade da cidade e da fronteira entre o Brasil e o Paraguai.



A horaria foi proposta pelo vereador Paulinho Roberto que disse que Karlos através das ações de pesquisa extensão da UCP e de gestos pessoais dele como cidadão vem fazendo a diferença principalmente para a população mais carente de Ponta Porã e Pedro Juan Caballero. Paulinho propôs também o título para o professor doutor Carlos Bueça Buçon.



Karlos Bernardo chegou em Ponta Porã a cerca de dez anos onde cursou alguns anos de medicina e depois passou a trabalhar no desenvolvimento de universidades e hoje dirige uma das maiores instituições de ensino superior da região com sedes em Pedro Juan Caballero e Ciudad Del Este.



“Minha família e Eu não fazemos nada pensando em reconhecimento, mas quando este reconhecimento vem da sociedade, acredito que de fato estamos contribuindo para a qualidade de vida da comunidade onde vivemos. Receber este título ao lado de outras pessoas que contribuem para o desenvolvimento da região me deixou muito feliz e agradeço ao vereador Paulinho e a toda Câmara de Vereadores de Ponta Porã”, disse Karlos.



A sessão presidida pelo vereador Cândido Gabinio presidente do Legislativo e cerca de 20 personalidades da região de fronteira foram homenageadas.



A sessão foi conduzida pelo presidente da casa, vereador Cândido Gabinio, junto com os vereadores Farid Afif, Adãozinho Dauzacker e Anny Espínola.


Envie seu Comentário

Publicidade
Olho Magico
A visita ao setor de traumatologia também seria fundamental, porque é ali que estão muitos cidadãos e cidadãs vítimas de acidentes e a maioria provocados por negligência própria, no trânsito principalmente.
Publicidade
Foto Materia
Fui gerada através desse amor profundo, vivo porque eles se amaram, esperaram por mim, com esperança e aflições..
Publicidade