Publicidade
MidiaFlex
Publicidade
“Primeira captação de pulmão para transplante faz Dourados ainda mais forte nos procedimentos”
...

 Coordenador diz que captação durou 5 horas e foi sucesso; também foram captados coração, pâncreas, rim, córneas e fígado –


 



Entre a noite de terça-feira (30) e madrugada desta quarta-feira (31), ocorreu em Dourados a primeira captação de pulmão para transplante. De acordo com a CIHDOTT (Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes), o procedimento levou cerca de cinco horas e foi um sucesso.



Conforme o médico Antônio Pedro Bitencourt, coordenador da CIHDOTT, o procedimento foi “extremamente satisfatório” e coloca Dourados ainda com mais força entre estas ações que salvam vidas, sendo o município já é referência desde 2017. A Comissão foi criada na gestão Délia Razuk e é supervisionada pela Secretaria de Saúde.



A doação foi autorizada pela família de um homem de 39 anos, vítima de acidente de moto, registrado no dia 25 passado. Além do pulmão, foram captados coração, pâncreas, rim, córneas e fígado. Os órgãos serão encaminhados para Campo Grande, São Paulo e Brasília.



O procedimento novo no município contou com apoio de equipe médica de São Paulo. O médico Oswaldo Junior, do Incor de São Paulo, colaborou com ação.



O secretário de Saúde Renato Vidigal destacou a contribuição do profissional, que foi formado pela UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados).



Vidigal citou ainda o apoio da FAB (Força Aérea Brasileira) nos procedimentos e o empenho da Comissão que tem sido um diferencial em Dourados. 



“Começar a trabalhar com a captação de pulmão agora, é conseqüência do trabalho bem feito que temos realizado na área de transplante do município. O empenho de todos merece destaque e com isso vidas vão sendo salvas. É a vida pela vida, agradecemos também à família por ter aceitado esse gesto de amor”, destacou o secretário.



A CIHDOTT é coordenada pelo médico Antônio Pedro Bitencourt, tem como vice-coordenadora a enfermeira Clarinie Fortunatti e como membros efetivos as enfermeiras Denise Reginato, Ludelça Dorneles, Daniele Ribeiro, Valdineia Pereira e a psicóloga Silviane Krokosz.



 ​

Envie seu Comentário

Publicidade
Olho Magico
Fica claro pelos noticiários que a violência no Brasil aumentou muito de um ano para cá. Os fatores desencadeantes que de certa forma colaboram com esse quadro são o desemprego, a corrupção generalizada e endêmica dos governantes...
Publicidade
Foto Materia
Em breve, começa o período para preenchimento das Declarações de Imposto de Renda, que este ano tem como tempo determinado para envio de 2 de março até 28 de abril. Para aqueles que declaram logo no começo do prazo estipulado, há algumas vantagens, dentre elas a de receber a restituição mais cedo.
Publicidade